Elon Musk quer transformar CO2 no ar em combustível para foguetes

CEO divulgou iniciativa no Twitter e convidou interessados a se unirem ao projeto

Elon Musk, CEO da SpaceX (Foto: Reprodução)

Elon Musk, CEO da SpaceX, divulgou na sua conta do Twitter que está começando um programa para transformar o gás carbônico (CO2) na atmosfera em combustível para foguetes. Na publicação, ele convida quem tiver interesse a se unir ao projeto.

De acordo com o bilionário, tal processo – que usará recursos in situ para gerar combustível – “poderia ter grandes implicações durante nossa transição para nos tornarmos interplanetários”, além de também ser importante para a exploração de Marte.

A iniciativa pode representar uma mudança para a companhia, considerando que o foguete da empresa Falcon 9 usa querosene para operar – o componente emite, entre outros elementos, grandes quantidades de gás carbônico. A iniciativa contaria com um tipo de tecnologia chamada captura direta de ar (DAC), ainda em desenvolvimento.

Aquecimento global

A maior planta de DAC do mundo, uma instalação na Islândia, começou a operar em setembro e poderá tirar 4 mil toneladas anuais de CO2 do ar, cerca do dobro da capacidade DAC anterior do mundo. Diversos cientistas têm investido na transformação de CO2 em combustível como uma maneira de frear o aquecimento global.

Essa não foi a primeira vez que Musk apresentou interesse neste tipo de tecnologia. Em novembro, a Musk Foundation doou fundos para uma premiação de US$ 100 milhões para 23 equipes de estudantes que criaram projetos para a remoção do gás da atmosfera.