Nubank fecha aquisição da fintech Olivia

Banco afirmou que compra da startup que usa inteligência artificial para organização financeira permitirá ao Nubank seguir criando novas soluções

Foto: Reprodução

Nubank anunciou a aquisição da startup Olivia, que usa inteligência artificial na organização financeira dos seus clientes. Fundada em 2016 nos Estados Unidos por Cristiano Oliveira e Lucas Moraes, a startup chegou ao Brasil em 2019 com a proposta de ajudar seus usuários a planejar seus gastos e a economizar mais.

Além de um aplicativo que ajuda as pessoas a gastarem melhor com base em seus hábitos financeiros, a startup também oferece uma plataforma de Open Finance que usa inteligência artificial para criar melhores experiências e recomendações financeiras personalizadas. Com a aquisição, o Nubank integra a plataforma e os serviços da Olivia.

Capacidades estratégicas

Além disso, o banco digital adquiriu capacidades estratégicas em ciência de dados e um time de tecnologia altamente especializado. Com a Olivia, o Nubank espera acelerar ainda mais o desenvolvimento de soluções com base nas necessidades dos usuários.

Em nota, David Vélez, fundador e CEO do Nubank, afirmou que com o talento do time da Olivia e a infraestrutura escalável do banco digital, conseguirá levar aos clientes o que há de melhor em soluções personalizadas para suas necessidades.

Revolução do setor financeiro

Lucas Moraes, cofundador da Olivia, disse que, nos últimos dez anos, a revolução do setor financeiro foi melhorar a experiência do cliente; gerar valor com inteligência de dados será a dos próximos dez. Segundo ele, unir o Nubank, líder consolidado da primeira revolução, e a Olivia, líder emergente da segunda, foi um caminho natural.

O executivo explicou que, mesmo com crescimento acelerado nos últimos dois anos e previsão de gerar caixa no início de 2022, não poderia deixar passar a oportunidade de acelerar a visão da Olivia com a escala e os recursos que o Nubank poder´a oferecer.