São Paulo é o 4º clube brasileiro a lançar criptomoeda própria

Criptoativos podem ser comprados por torcedores e dão direito a participar de votações, como para escolher a música do estádio

Foto: Reprodução

São Paulo assinou contrato com a Socios.com, empresa especializada em criptoativos, e em breve lançará seus fan tokens personalizados. A companhia tem contratos com três outros clubes de futebol do Brasil: Atlético-MG, Corinthians e Flamengo. No exterior, estão sob contrato 70 agremiações, entre elas Barcelona e Paris Saint-Germain.

Em comunicado, Julio Casares, presidente do clube, afirmou que a novidade é mais uma prova de que o clube é amplamente reconhecido como uma marca global. Segundo ele, o São Paulo est´á entrando em um universo em franca expansão e essa é mais uma iniciativa que demonstra o protagonismo que o clube deseja passar aos torcedores.

Os detalhes do acordo são mantidos sob sigilo, contudo, na maioria dos casos no Brasil, os clubes ficam com 50% do valor arrecadado com a venda dos tokens. No Corinthians, por exemplo, a primeira emissão dos tokens geraram uma receita bruta de R$ 10 milhões.

O que é fan token?

O fan token é um criptoativo, que pode ser comprado pelos torcedores com criptomoedas. Os tokens dão o direito de participar em votações determinadas pelos clubes junto com a Socios.com. Os exemplos mais recorrentes são votações para decidir a música que tocará no estádio, ou para definir o design do ônibus que a delegação viaja.