Mercedes-Benz demonstra carro com ferramenta que funciona por controle mental

Chamado de BCI, o sistema pode alterar estações de rádio, abrir janelas e até mudar rotas do Vision AVTR por meio do comando cerebral

Foto: Divulgação

Já pensou em ir até o seu destino só com o poder do pensamento? O Vision AVTR é um carro-conceito autônomo da Mercedes-Benz com vários recursos tecnológicos. Um deles é a interface cérebro-computador (BCI, na sigla em inglês), que permite controlar funções do veículo por meio do pensamento.

Pelo poder da mente, a pessoa também poderá controlar a luz ambiente ou a música que estiver tocando. Apresentado no ano passado, na CES 2020, o automóvel parte da ideia de ser um avatar do motorista. O conceito mostrou ser capaz de reconhecer os motoristas por seus batimentos cardíacos e padrões de respiração.

Ondas cerebrais

Após um período de calibragem, um dispositivo conectado à cabeça do usuário analisa as ondas cerebrais e aciona a função definida, que pode ser a mudança de uma estação de rádio, a abertura de uma janela, o atendimento de uma ligação telefônica e até a alteração de uma rota.

Interação intuitiva

Britta Seeger, membro do conselho da Mercedes-Benz, afirmou que a tecnologia BCI tem potencial para aumentar ainda mais o conforto ao dirigir no futuro. Ela funciona de forma totalmente independente da fala e do toque, o que é revolucionário para a interação intuitiva com o veículo, acrescentou.

Apesar de tudo, a Mercedes-Benz deixa claro que a tecnologia não deverá estar presente nos veículos de consumo tão cedo. Entretanto, a montadora alemã esclarece que controlar um carro pelo pensamento não é mais um poder exclusivo da ficção científica.