Flamengo anunciou que lançará uma criptomoeda própria do time

Clube com a maior torcida do Brasil se junta ao PSG, Barcelona e outros times e ingressa no universo dos criptoativos através do lançamento de seu fan token

Foto: Reprodução

Em um movimento que parece ter se tornado comum entre os maiores clubes do mundo, o Flamengo, clube de futebol com a maior torcida do Brasil, anunciou que lançará uma criptomoeda própria do time para oferecer experiências e serviços diferenciados para os torcedores e sócios da Nação Rubro Negra.

De acordo com uma nota oficial emitida pelo site do time, o clube acertou as bases contratuais de marketing com a plataforma Socios.com – nome bem conhecido para os fãs do futebol e das criptomoedas. Ela tem sido parceira de grandes clubes europeus, como o Paris Saint-Germain, Barcelona e Manchester City.

Além do acordo para a emissão do fan token, a empresa também irá patrocinar o clube. O contrato prevê a a exposição da marca na camisa de treino do time de futebol masculino profissional e no uniforme de jogo do time feminino e das categorias de base.

Além disso, o contrato prevê ainda um pacote de mídia na FlaTV, nas redes sociais do Flamengo, nas postagens de aniversário e durante a divulgação da escalação da equipe masculina profissional em dias de jogos. A validade do contrato será até o final de 2025.

Além de um valor fixo não divulgado, o Flamengo terá direito a parte das receitas obtidas com a venda dos tokens. Por enquanto o processo está em fase final dependendo da votação em assembleia do Conselho Deliberativo para a aprovação final do contrato.

O clube revelou que, caso seja aprovado, as primeiras parcelas serão recebidas 10 dias após a votação e, possivelmente, terão um período de oferta inicial anunciada em breve. A tendência não é nada nova: recentemente, o Corinthians, segundo maior time por torcida do Brasil, também anunciou os seus fan tokens.