Bancos investiram R$ 25,7 bilhões em tecnologia em 2020

Mais de 90% dos executivos consultados citaram a inteligência artificial como prioridade

Foto: Reprodução

No Brasil, os bancos investiram R$ 25,7 bilhões em tecnologia em 2020 – crescimento de 8% em relação a 2019 -, segundo dados da Pesquisa Febraban de Tecnologia Bancária. Com esse aumento, o setor bancário tornou-se o segundo maior investidor em tecnologia no país (14%), atrás apenas dos governos (15%).

Sergio Biagini, sócio-líder para a Indústria de Serviços Financeiros da Deloitte Brasil, explicou que esse resultado mostra que o Brasil está em linha com que os aportes realizados ao redor do mundo. Os investimentos em softwares aumentaram 15% de 2019 para 2020, para R$ 14,4 bilhões, acrescentou o executivo.

A mesma situação é vista em âmbito global, o que indica que as instituições financeiras brasileiras têm acompanhado os aportes realizados no mundo todo. O restante do montante contabilizou investimentos em hardware (R$ 8,6 bilhões) e em telecomunicações (R$ 2,7 bilhões).

Entres os executivos de 21 bancos consultados, 93% citam inteligência artificial como prioridade de investimentos. Em segundo lugar (80%), a automação de processos. Além disso, o estudo mostrou que 10% dos investimentos em tecnologia são destinados para cibersegurança, ligados ao crescimento escalável do setor.