Amazon adquire famoso estúdio de cinema MGM por US$ 8,45 bilhões

A compra, que é a segunda maior feita pela companhia, transforma o estúdio fundado na era do cinema mudo num ativo de streaming da empresa de comércio eletrônico

Foto: Reprodução

A Amazon chegou a um acordo para a aquisição do famoso estúdio de Hollywood MGM Holdings por US$ 8,45 bilhões, incluindo dívida, uma operação que transforma o estúdio fundado na era do cinema mudo num ativo de streaming da empresa de comércio eletrônico. As negociações já vinham acontecendo há algumas semanas.

Segundo a Amazon, o objetivo é ajudar a preservar a herança e o catálogo de filmes da MGM, além de fornecer a seus clientes acesso mais fácil a essas obras. “A MGM tem quase um século de história no cinema e complementa o trabalho da Amazon Studios, que se concentrou principalmente na produção de programas de TV”, disse a gigante de tecnologia, em comunicado enviado à imprensa.

Interesse pelo entretenimento

O acordo sinaliza que a Amazon está renovando seu interesse pelo entretenimento e marca a segunda maior aquisição da empresa na história. A MGM tem mais de 4 mil filmes em seu catálogo, como James Bond e Legalmente Loira, bem como 17 mil programas de TV, incluindo The Handmaid’s Tale e Vikings, que ganharam coletivamente mais de 180 Oscars e 100 Emmys.

Em nota, Mike Hopkins, vice-presidente sênior da Prime Video e Amazon Studios, afirmou que o valor financeiro real por trás do negócio é o seu catálogo. Segundo ele, a empresa planeja reimaginar e desenvolver junto com a equipe da MGM. O executivo ressaltou ainda que é muito empolgante e oferece muitas oportunidades para contar histórias de altíssima qualidade.

Obstáculos concorrenciais

De acordo com a Amazon, por meio da aquisição, a empresa capacitaria a MGM para continuar a fazer o que faz de melhor: “uma ótima narrativa”. O acordo pode, contudo, levantar novos obstáculos concorrenciais para a Amazon, que já está no centro de várias investigações devido a sua dimensão e poder.