Stone fará investimento de R$ 2,5 bilhões no Banco Inter

O preço por unit que a Stone concordou em pagar é de R$ 57,84

Foto: Reprodução

O Banco Inter anunciou que fará uma oferta subsequente de ações que terá a Stone como investidor âncora. A credenciadora investirá até R$ 2,5 bilhões no banco e terá uma fatia de 4,99%, além de poder indicar um membro para o conselho de administração. O investimento colocará a Stone junto aos atuais controladores do Inter – os Menin, que comandam a empresa através da Inter Holding Financeira

O preço por unit que a Stone concordou em pagar é de R$ 57,84, e leva em consideração o desdobramento dos papéis na proporção de um para três, aprovado na última semana. A empresa de maquininhas fechará um acordo de acionistas com os atuais controladores do Inter e, por meio dele, terá direito de preferência caso haja mudança no controle do banco. 

Esse direito terá validade de seis anos e estará sujeito a determinados limites de preço, de acordo com comunicado da companhia. Além da participação acionária, Inter e Stone unem seus melhores esforços para iniciar uma discussão a fim de explorar oportunidades de negócio que possam potencializar a força de ambas companhias para a criação de um ecossistema que conecta compradores a vendedores.

O objetivo é que os beneficiados tenham os melhores produtos financeiros. Segundo o Inter, exemplos de oportunidades que podem ser estudadas a fim de criar esse valor mútuo incluem conectar os clientes da Stone ao Inter Shop, digitalizar a experiência de pagamentos entre clientes Inter e varejistas Stone, explorar oportunidades de cross-selling de produtos e alavancar a força do funding do Inter para maior eficiência nas ofertas de capital de giro da Stone.

A Stone destaca, em comunicado, que o Inter tem uma base de usuários com mais de 10 milhões de clientes e um histórico comprovado no desenvolvimento de produtos e serviços, de contas bancárias ao marketplace. A empresa é conhecida por ser uma fintech no mundo das maquininhas, mas que tem mudado o seu negócio e vale atualmente aproximadamente 19,5 bilhões de dólares na Nasdaq.