LinkedIn elenca as 25 melhores empresas para desenvolver sua carreira no Brasil

Empresas que tomaram ações durante a pandemia de Covid-19 ganham destaque

Foto: Reprodução

Mais uma vez, o Itaú Unibanco ficou em primeiro lugar no ranking de melhores empresas para os brasileiros desenvolverem suas carreiras, elaborado pelo LinkedIn. A lista está na quarta edição e, apesar do repeteco na liderança, o segundo e o terceiro lugares são novidade: o Santander, que ano passado estava em 21º lugar, e a Movile, estreante na lista.

Durante a pandemia de Covid-19, a instituição financeira adotou ações como a compra de 17 mil notebooks, ajuda de custo e atendimento médico remoto. Com 13 mil novos funcionários admitidos no ano passado, sendo 6 mil estagiários, o Itaú tem atraído muitos jovens com sua transformação digital e também pela informalidade no ambiente de trabalho.

Em seguida, aparece a química BASF, no segundo lugar, que também buscou trazer soluções para cuidar o bem-estar de seus funcionários, disponibilizando aulas de yoga, atendimento psicológico e até atividades abertas às famílias. As companhias dos setores financeiro e de tecnologia se destacam: Bradesco, Safra, BTG Pactual, Grupo XP, IBM, TOTVS e Oracle também estão na lista.

Confira abaixo a lista completa das 25 melhores empresas para desenvolver sua carreira no Brasil:

1- Itaú Unibanco;
2- BASF;
3- Bradesco;
4- Daimler AG;
5- SAP;
6- Sanofi;
7- Santander;
8- Dell Technologies;
9- CNH Industrial;
10- The Kraft Heinz Company;
11- WEG;
12- JPMorgan Chase & Co.;
13- GE;
14- Mondelez Internacional;
15- P&G;
16- Energisa;
17- JBS;
18- Telefónica;
19- McKinsey & Company;
20- Citi;
21- BAT;
22- B3;
23- Facebook;
24- Pfizer;
25- Servier.

A classificação é feita com base em quatro pilares: interesse na empresa, interação com funcionários, demanda da vaga e retenção de funcionários. A análise contabiliza ações nos últimos 12 meses dos mais de 610 milhões de usuários e 30 milhões de companhias cadastradas no LinkedIn no mundo, por meio da ferramenta LinkedIn Talent Insights.