Banco Central autoriza sistema de pagamentos pelo WhatsApp

Permissões possibilitam que aplicativo de mensagens seja usado para envio de recursos entre usuários

Foto: Reprodução

Banco Central (BC) concedeu nesta terça-feira (30) autorizações de funcionamento que permitem a realização de transferências bancárias pelo WhatsApp. No entanto, a instituição financeira ainda não permitiu a função de compra, que permanece em análise.

Além disso, o BC anunciou que também foram concedidas à Visa e à Mastercard autorizações para dois “arranjos de pagamento” abertos, como transferência, depósito, pré-pago e doméstico. O WhatsApp também fará parte do arranjo, que tornará possíveis as transferências pelo aplicativo de mensagens. 

Modelo autorizado

De acordo com o modelo autorizado, o WhatsApp iniciará as transações entre contas dos clientes nas instituições financeiras em que são correntistas. Para tanto, a credencial a ser utilizada no aplicativo é o número do cartão de débito ou pré-pago de bandeiras Visa ou Mastercard. A tarifa cobrada pela transação bancária será definida pelo aplicativo.

Em nota, a autoridade monetária afirmou que acredita que as autorizações concedidas poderão abrir novas perspectivas de redução de custos para os usuários de serviços de pagamentos. Também por meio de nota, o WhatsApp disse que está fazendo os ajustes finais e espera disponibilizar a função “assim que possível”.

Início das operações

O presidente do BC, Roberto Campos Neto, afirmou que a funcionalidade do WhatsApp seria autorizada “em breve” e afirmou que a junção entre mídias sociais e finanças precisavam ser entendida pelos órgãos reguladores. Segundo ele, as operações poderão ser feitas a partir da data em que o aplicativo disponibilizar a funcionalidade ao cliente.