Jack Ma, do Alibaba, perde título de mais rico da China

Ma e sua família ocuparam o primeiro lugar entre os mais ricos do país na "Hurun Global Rich List" em 2020 e 2019, mas agora estão em quarto lugar

Jack Ma, fundador do Alibaba (foto: Reprodução)

Jack Ma, fundador do gigante do e-commerce Alibaba e do Ant Group, perdeu o título de homem mais rico da China. O bilionário e sua família caíram para a 4ª posição do ranking Hurun Global Rich List entre os chineses, após terem ocupado o 1º lugar nos dois últimos anos, de acordo com a agência de notícias Reuters.

Estão à sua frente Zhong Shanshan, da fabricante de água engarrafada Spring; Pony Ma, da Tencent Holding; e Collin Huang, de outra companhia de comércio eletrônico, a Pinduoduo. A queda de Ma acontece “depois que os reguladores da China frearam o Ant Group e o Alibaba com questões antitruste”, afirma o relatório da Hurun.

O levantamento ressalta que a queda de Ma ocorre em meio a problemas do empresário com o governo da China, desencadeados após críticas feitas ao sistema regulatório de seu país durante um discurso público em outubro do ano passado, o que acarretou na suspensão do IPO de 37 bilhões de dólares de sua unidade financeira Ant Group.

Os reguladores também solicitaram a Ma que convertesse alguns dos negócios do Ant em uma holding financeira, submetendo-a à mesma regulamentação que instituições financeiras tradicionais. Ma, que não é conhecido por se esquivar dos holofotes, não apareceu publicamente por cerca de três meses, até ressurgir em janeiro.