Amazon anuncia que Jeff Bezos deixará cargo de CEO da empresa

Andy Jassy, que atualmente comanda a Amazon Web Services, divisão de armazenamento e processamento de dados, assumirá o posto no 3º trimestre deste ano

Jeff Bezos, fundador da Amazon (Foto: Reprodução)

Amazon anunciou que seu fundador e CEO, Jeff Bezos, deixará o cargo até o terceiro trimestre de 2021. Quem assumirá o cargo na gigante do comércio eletrônico será Andy Jassy, que atualmente comanda a Amazon Web Services (AWS), o importante braço de serviços de armazenamento e processamento de dados da companhia.

Agora, o bilionário ocupará a diretoria executiva do conselho de administração da empresa. Em uma carta aos funcionários, Bezos afirmou que, no papel de presidente-executivo do conselho, pretende concentrar suas energias e atenção em outros produtos e iniciativas, como o jornal Washington Post, do qual é dono desde 2013, na Blue Origin, sua empresa aeroespacial, e em suas entidades filantrópicas Day One Fund e Earth Fund.

Na carta, Bezos ressaltou que Jassy é muito conhecido na companhia e faz parte da Amazon há muito tempo, sendo assim, um líder de sua total confiança. Além disso, ele reforçou que não tem a pretensão de se aposentar ainda e que ainda tem muita energia e paixão pelo impacto que essas organizações podem ter no mundo.

História

Formado em engenharia elétrica e ciências da computação pela Universidade de Princeton, Bezos começou a carreira em Wall Street, que deixou para fundar a Amazon. Em 1995, fundou a companhia como uma livraria on-line. Atualmente, a gigante atua em diversas categorias de produtos no comércio eletrônico e está avaliada em aproximadamente US$ 1,7 trilhão na bolsa de valores americana Nasdaq. 

No momento, Bezos é o segundo homem mais rico do mundo — atrás apenas de Elon Musk, fundador da Tesla e da SpaceX. De acordo com o Bloomberg Billionaires Index, o empresário tem uma fortuna estimada em cerca de US$ 188 bilhões.

Novo comando

Já Andy Jassy entrou para a Amazon há 24 anos, em 1997, após concluir seu MBA na Harvard Business School, uma das principais universidades de negócios do mundo. Ele foi para o departamento de marketing da companhia e, segundo o jornal Financial Times, se interessou pela ambição da Amazon de se tornar mais do que uma loja de livros.

O AWS foi lançado oficialmente em 2006, tendo Jassy como líder. O executivo esteve envolvido desde o primeiro momento. Ele via a ideia como uma maneira de resolver problemas dos engenheiros de software da Amazon, que passavam muito tempo lidando com questões sobre a infraestrutura de computação para cada novo projeto.

Com a liderança de Jassy, a AWS se tornou o segmento de hospedagem mais lucrativo da Amazon. O novo CEO, segundo o Financial Times, é conhecido pelo incentivo à criatividade. Em entrevista ao jornal, ele disse que uma de suas funções é se manter aberto a ideias como as que permitiram que a companhia abraçasse a criação da AWS.