Aplicativo que silencia ruídos externos se destaca entre empreendedores no home office

O app Krisp, que filtra os sons indesejáveis para melhorar as conversas on-line, foi considerado uma das melhores invenções de 2020 pela Time

Foto: Reprodução

Trabalhar em casa se tornou uma realidade para muitos profissionais do Brasil e do mundo. Com a adoção das medidas de isolamento social para conter o avanço da Covid-19, empresas de diferentes segmentos adotaram o home office para continuar funcionando durante a crise sem colocar em risco a saúde dos funcionários.

Uma queixa comum é a dificuldade em realizar reuniões em casa sem interferências sonoras indesejáveis, como barulho do trânsito, crianças brincando ou até mesmo obras no apartamento vizinho. Para resolver esse problema, foi criado o aplicativo Krisp, que promete silenciar ruídos externos durante chamadas de vídeo e ligações.

O Krisp consegue analisar como nossa voz soa e descarta todo o resto, ou seja, tudo que não seja a nossa voz é considerado ruído. A tecnologia do dispositivo é capaz de analisar 20 mil sons diferentes e, então, filtrar tudo que estiver atrapalhando a conversa. Além de ser possível ativar a redução de ruído para o outro lado da chamada. 

Funciona em tempo real, criando o que é efetivamente uma camada protetora entre o microfone e o aplicativo que o usuário está usando para garantir que o ruído de fundo seja filtrado. O aplicativo passou a ser usado por grandes empresas como a Intel e entrou na lista das 100 melhores invenções de 2020 da revista Time.

Como é baseado em software, é uma solução simples e não requer nenhum hardware especial — funcionará com o microfone embutido no laptop, o microfone na webcam ou um microfone externo. Todo o processamento é feito localmente no dispositivo, o usuário não está enviando áudio para a nuvem, por isso é privado também.

A plataforma é compatível com mais de 800 aplicativos usados para fazer chamadas em vídeo, como Zoom e Google Meet. O aplicativo é compatível com Windows, Apple, Android e iOS. É possível usar o aplicativo de graça no home office duas horas por semana, caso seja necessário mais tempo, a plataforma custa 5 dólares por mês.