Apple anuncia que irá reduzir comissão na App Store para pequenas empresas

Desenvolvedores que ganham menos de US$ 1 milhão por ano terão taxa de 15% nas transações pela loja de aplicativos do iPhone, iPad e Mac

Foto: Reprodução

A Apple anunciou o Small Business Program, novo programa da companhia para ajudar desenvolvedores independentes a impulsionar seus negócios na App Store. O programa irá beneficiar negócios que ganham menos de US$ 1 milhão por ano, proporcionando-lhes uma comissão reduzida sobre aplicativos pagos e compras no aplicativo.

Em vez da taxa tradicional de 30%, os desenvolvedores irão pagar uma comissão de 15%. A redução significa que haverá mais recursos para investir e expandir os negócios no ecossistema da App Store. A novidade passa a valer em 1º de janeiro de 2021, e a análise de elegibilidade será feita com base nas receitas do ano anterior.

Em nota, a Apple afirmou que o Small Business Program chega em um momento importante, uma vez que os desenvolvedores independentes permanecem trabalhando para inovar e prosperar durante um período de desafio econômico global sem precedentes. 

Segundo a companhia, os aplicativos adquiriram uma nova importância à medida que as empresas se adaptam a um mundo virtual durante a pandemia, e muitas pequenas empresas lançaram ou aumentaram sua presença digital para continuar a alcançar seus clientes. A Apple prometeu mais detalhes do programa para o início de dezembro.

Tim Cook, CEO da Apple, afirmou que as pequenas empresas são a espinha dorsal da economia global e o coração da inovação e das oportunidades em comunidades em todo o mundo. Para ele, o lançamento irá ajudar os proprietários de pequenas empresas a escrever o próximo capítulo de criatividade e prosperidade na App Store.

Lançada em 2008, a App Store oferece atualmente 1,8 milhão de aplicativos, com 500 milhões de usuários a cada semana. Em 2019, a loja movimentou US$ 519 bilhões — cerca de R$ 2,76 bilhões —, alcançando mais de 1,5 bilhão de dispositivos em 175 países.