Sem iPhone, Apple revela os grandes lançamentos do ano

O protagonismo ficou por conta das novas gerações do Apple Watch e do iPad

Foto: Reprodução

Apple revelou nesta última terça-feira (15) os grandes lançamentos do ano em seu evento anual sobre novidades. Sem iPhone, a gigante da tecnologia já havia avisado que não revelaria o próximo modelo de seu smartphone no evento. O protagonismo ficou por conta das novas gerações do Apple Watch e do iPad, além do lançamento de uma série de serviços. 

A companhia apresentou dois novos relógios: Apple Watch 6 e Apple Watch SE. Enquanto o Apple Watch 6 chega com uma funcionalidade habilitada para medir os níveis de oxigênio no sangue e em novas cores, incluindo Project (RED), o Apple Watch SE é uma versão menos cara como uma sucessão do Apple Watch 3, porém com chip S5.

Já o novo iPad Air utilizará um novo chip A14, com mais 12 bilhões de transistores e a possibilidade de calcular 11 trilhões de operações por segundo. Foi adotado também uma conexão USB-C, que suporta transferências de dados velozes e recarga em até 20W. O iPad será lançado no mês que vem nos Estados Unidos, mas ainda não há previsão sobre disponibilidade no Brasil.

Além disso, a empresa anunciou um pacote de assinaturas que unirá a Apple TV, a Apple Music, o Apple Arcade e o Apple News+, incluindo a assinatura do iCloud no pacote. E, os assinantes do Apple One terão acesso a aulas de exercícios físicos em seus dispositivos Apple, o Fitness+, que deve chegar oficialmente no final deste ano.

A Apple também liberou ontem (16) a nova versão do seu sistema operacional para o iPhone. O iOS 14 é uma atualização significativa devido aos widgets para tela inicial e um novo recurso para organizar aplicativos. A compatibilidade do iOS 14 englobará todos os dispositivos que receberam a atualização do iOS 13, a partir do iPhone 6s.