Novo Moto G9 vem com superbateria de 5.000 mAh e três câmeras

O smartphone ainda conta com o processador Qualcomm Snapdragon 662, acompanhado por 4 GB de RAM

Foto: Divulgação

Motorola lançou nesta segunda-feira (24) o celular intermediário Moto G9, por enquanto apenas na Índia, com bateria de 5.000 mAh e câmera tripla. O processador do smartphone é o Qualcomm Snapdragon 662, acompanhado por 4 GB de RAM e 64 GB de memória interna, além de tela maior em relação ao G8.

Diferente de modelos recentes, como o Snapdragon 690, o 662 não traz suporte a redes 5G. Ainda assim, o processador apresenta uma configuração eficaz, com oito núcleos, sendo quatro deles de alto desempenho ARM Cortex-A73 a até 2 GHz. A novidade da Motorola trabalha com o Android 10 e traz um botão destinado para a Google Assistente. 

O que chamou uma atenção especial foi a super bateria, que passou de 4.000 para 5.000 mAh no Moto G9. Segundo a Motorola, a capacidade dá conta de um uso normal por até dois dias. Para a recarga, o smartphone acompanha o acessório Turbopower de 20 W, que acelera o recarregamento do tanque de energia.

A tela LCD de 6,5 polegadas tem resolução de 1.600 x 720 pixels e abriga uma câmera frontal com sensor de 8 MP na parte superior, enquanto a traseira possui mais três câmeras, uma principal de 48 MP e duas de 2 MP, para macros e detecção de profundidade, além de um Flash LED. Quanto ao sensor de digitais, está presente na parte traseira do smartphone.

As especificações também incluem conexão USB-C, entrada para fones de ouvido e suporte para NFC. O Moto G9 estará disponível nas lojas da Índia a partir de 31 de agosto, em duas cores, Forest Green (verde) e Sapphire Blue (azul), com preço sugerido de 11,499 Rúpias, cerca de R$ 870 em conversão direta. Ainda não há informações sobre o lançamento no Brasil.