Operadoras iniciam testes com 5G e apostam numa internet mais veloz

Nesse momento inicial, o 5G compartilhará as faixas de transmissão já existentes do 3G e do 4G

No mês de julho, as maiores operadoras de telefonia do país iniciaram testes da tecnologia de quinta geração (5G) para os aparelhos móveis. Segundo reportagem da UOL, neste momento inicial, o 5G compartilhará as faixas de transmissão já existentes do 3G e do 4G, com o uso da tecnologia chamada DSS (compartilhamento dinâmico do espectro). 

A experiência do 5G ainda não vai poder ser utilizada totalmente. Mas, quando estiver em sua máxima potência, deve oferecer uma alta velocidade de internet, uma maior confiabilidade e disponibilidade, além da capacidade para conectar um grande número de aparelhos ao mesmo tempo. 

Para poder utilizar o serviço, o usuário precisa ter um celular compatível com a tecnologia 5G. No mercado brasileiro, só há um aparelho que permite esse acesso: é o Motorola Edge, com valor acima de R$ 4,9 mil na loja oficial do fabricante. 

Saiba os lugares que o 5G pode ser utilizado 

A operadora Vivo ativou o funcionamento do 5G em oito cidades brasileiras: São Paulo Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Rio de Janeiro, Goiânia, Curitiba e Porto Alegre. Já a Claro está oferecendo o serviço inicialmente em São Paulo e no Rio de Janeiro. A Tim vai disponibilizar o 5G em Bento Gonçalves (RS), Itajubá (MG), e Três Lagoas (MS) e a Oi já instalou em Búzios (RJ) e em grandes eventos, como a Conferência Rio2C, GameXP, Rock in Rio e Comic Con Experience.