Pesquisa prevê como será o novo ambiente de negócios pós-covid

O estudo aponta que as empresas deverão adotar novas práticas tecnológicas após esse cenário

Foto: Reprodução

A pandemia de coronavírus (covid-19) abalou o cenário econômico em 2020, o que fez com que empresas precisassem fazer uso de tecnologias digitais para se manter no mercado em meio à crise. A Atos, líder em transformação digital, constatou em uma pesquisa que as empresas deverão adotar novas práticas tecnológicas após esse cenário.

Nelson Campelo, CEO da Atos para América do Sul, afirmou ao NegNews que a análise foi realizada com o objetivo de oferecer uma visão dos impactos da crise nos diversos setores da economia mundial, e como a tecnologia pode ser um agente das mudanças e adaptações que serão necessárias no “novo normal”.

O executivo explica que o cenário não é nem otimista, nem pessimista. Enquanto haverá segmentos da indústria que serão mais afetados, outros terão mais oportunidades de crescimento. Ele aponta que a área de viagens, turismo e entretenimento terão um impacto negativo maior, enquanto haverá um crescimento nos investimentos em pesquisas na saúde.

Conforme o estudo, se adaptar ao trabalho remoto e colaborativo e investir em cibersegurança está entre as principais medidas que as empresas deverão se adaptar para o cenário pós-covid. O CEO reforça que qualquer estratégia a partir de agora será nativamente digital, segundo ele, não há como imaginar qualquer setor da economia que não tenha a digitalização no seu modelo de negócios.

A gestão de pessoas também será um fator fundamental, Campelo afirma que a comunicação com e entre os colaboradores com as mais diferentes ferramentas e plataformas digitais é essencial para manter o engajamento das pessoas. Como gestor, é necessário saber lidar com os colaboradores nesse novo ambiente com uma interação mais dinâmica e flexível.