Latam informa que segue negociando ajuda com o BNDES

A empresa está sendo fortemente impactada pela pandemia do novo coronavírus

Foto: Reprodução

Após seu pedido de recuperação judicial nos Estados Unidos, a Latam Airlines informou que segue negociando com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) um pacote de auxílio financeiro para sua operação no Brasil. A empresa está sendo fortemente impactada pela pandemia do novo coronavírus.

Roberto Alvo, CEO do grupo Latam, afirmou que seguirá falando com o BNDES e com o governo brasileiro. O executivo diz que está confiante que encontrará uma solução. Ele informou ainda que o BNDES já enviou uma proposta de empréstimo à empresa. No entanto, o grupo entendeu que a estrutura da dívida é um pouco complexa para sua operação.

Alvo afirma que a companhia aérea está falando com o banco desde então, e que como entraram no processo de recuperação judicial, irá falar mais uma vez para saber as novas possibilidades. O banco estatal ofereceu R$ 2 bilhões para cada empresa aérea: além da Latam, estão inclusas Gol e Azul.

O empréstimo será realizado por meio de debêntures simples e bônus conversíveis em ações, na proporção de 75% e 25%, respectivamente. Entretanto, já que a Latam é listada na bolsa de Santiago, no Chile, a companhia teria de emitir recibos de ações (BDRs) na B3 para assegurar que os títulos possuam aderência com a legislação local.