Setor industrial recebe sugestão de ajustes para retomada das atividades

As propostas encaminhadas sugerem alterações para o setor à medida que forem voltando ao funcionamento "normal"

As propostas para a retomada do setor industrial visam controle de ambientes e pessoas (foto: reprodução)

Um segmento que vem buscando se manter estável durante a pandemia causada pelo coronavírus é o setor industrial, visando isso, na última sexta-feira (15), Simplício Araújo, secretário de Estado de Indústria, Comércio e Energia (SEINC) encaminhou para o Protocolo Geral uma série de propostas de alteração para o setor.

O pedido foi encaminhado pelo secretário da SEINC ao presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), Edilson Baldez das Neves. A proposta contém medidas de controle de ambientes e pessoas para a retomada das atividades econômicas.

Diante do cenário que enfrenta o Maranhão, é de extrema importância se cuidar e ser prudente quanto aos protocolos solicitados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), mas Baldez frisou a questão econômica, que tem sentido forte impacto nesse período.

Segundo ele, é esperado que essas sugestões apresentadas sejam consideradas. É preciso ter em mente que o setor industrial terá que efetuar investimentos, em momento de recursos escassos ou inexistentes para muitos, para ajustar suas instalações aos protocolos de segurança e saúde dos colaboradores e visitantes, assim o que se sugere é que as regras contidas nesse Protocolo Geral sejam tratadas como “recomendações” e não obrigações legais.