Maioria dos funcionários do Google continuará em home office até 2021

Empresa começou a aconselhar os funcionários a trabalhar em casa no início de março

Foto: Reprodução

A pandemia do novo coronavírus forçou a maioria das empresas ao redor do mundo a adotar o trabalho remoto como forma de manter as operações funcionando. Para as gigantes de tecnologia não foi diferente. O Google informou que a maioria de sua equipe continuará trabalhando em casa pelo resto do ano, segundo a agência Bloomberg.

O Facebook, por exemplo, fez um anúncio semelhante, citando seguir orientação de grupos como os Centros de Controle de Doenças e Johns Hopkins, juntamente com orientações do governo. Já a Amazon estendeu o prazo até, pelo menos, outubro deste ano. O Google começou a aconselhar os funcionários a trabalhar em casa devido à pandemia do covid-19 no início de março.

Segundo o CEO Sundar Pichai, os funcionários cujo trabalho realmente exigirem a presença física no escritório poderão voltar em junho ou julho, mas com maiores precauções de segurança e uma experiência diferente no escritório. Ainda assim, para a maioria das equipes do Google, trabalhar em casa continuará sendo o “novo normal” durante o resto do ano.