Uber lança dois novos serviços de entrega

Uber Connect e Uber Direct são voltados para a entrega de produtos e estão sendo testados apenas em alguns países

Foto: Reprodução

O Uber começará a testar duas novas iniciativas para compensar os motoristas que ficaram parcialmente parados devido ao declínio do compartilhamento de viagens. Ambos são modalidades de entrega, mas com focos diferentes: o Connect permite que um usuário envie itens a outro; o Direct faz envio de itens comprados em estabelecimentos.

O Uber Connect tem como foco a entrega de produtos em cerca de 25 cidades dos Estados Unidos, Austrália e México. Nessa modalidade, os objetos são entregues no mesmo dia e é voltada para a troca entre pessoas, como envio de pacotes ou encomendas, por exemplo. 

Já o Uber Direct, por sua vez, oferecerá às empresas entregas sob demanda para clientes ou fornecedores. Em Portugal, por exemplo, onde o serviço está em funcionamento, a modalidade é utilizada em parceria com os serviço de correios. Na África do Sul, remédios estão sendo entregues por meio da novidade. 

Dara Khosrowshahi, presidente do Uber, afirmou que a companhia está em busca de novas formas de ajudar a movimentar bens essenciais para empresas e consumidores, além de oferecer novas oportunidades de ganhos para os motoristas. Segundo ele, o foco principal é adaptar rapidamente a tecnologia para atender às necessidades de comunidades e empresas.

Foi estimado que a demanda por viagens no Uber caiu 70% em determinadas cidades por conta da crise do novo coronavírus. Com a criação e readequação de serviços, a empresa tenta amenizar as consequências.