Startups criam totem para medir temperatura de pacientes a distância

Sistema já foi instalado no Hospital Albert Einstein

Febre é um dos primeiros e principais sintomas da covid-19. Por isso, as startups de IA Hoobox e Radsquare, ambas de São Paulo, desenvolveram um totem que mede a temperatura dos pacientes a distância, logo na recepção dos hospitais. 

O sistema, que foi batizado de Fevver, já foi instalado no hospital Albert Einstein. Funciona por meio de uma câmera termográfica e algoritmos de reconhecimento facial, que escaneiam o rosto dos pacientes e medem a temperatura, concentrando-se na região dos olhos. É lá que a temperatura é medida, pois as glândulas lacrimais não têm cobertura de pele e têm umidade estável. 

Caso haja febre, o Fevver envia um alerta para a equipe de enfermagem do plantão do Einsten para que possa ter início o protocolo de triagem e isolamento.  

O sistema será instalado em outros setores do Hospital Albert Einstein para medir a temperatura de visitantes e funcionários. A ideia dos pesquisadores é que a ferramenta seja utilizada em hospitais de campanha e na rede pública de saúde.