NASA e SpaceX cogitam explorar asteroide feito de ouro

O 16 Psyche orbita o Sol entre Marte e Júpiter e é composto por 120 quilômetros de largura

NASA e SpaceX "cobiçam" 16 Psyche (foto: reprodução)

Já pensou em ficar milionário com o ouro contido na estrutura de um asteroide? Esse o novo passo que desejam tomar a Nasa e a Spacex, de Elon Musk. O asteroide 16 Psyche, que orbita o Sol entre Marte e Júpiter, é composto por 120 quilômetros de largura e núcleo feito de níquel e ferro.

Quem sofreria e, provavelmente, corria o risco de zerar seria a economia brasileira. Os commodities também teriam seus preços altamente desvalorizados. Gira em torno de US$ 10 milhões todo o valor estimado nesses metais.

De acordo com a NASA, o resultado dessa nova pesquisa no 16 Psyche é o resultado de intensas colisões entre planetas, as quais eram comuns quando o sistema solar estava se formando; é como se ele fosse um sobrevivente daquela época. Sendo assim, é possível que sua composição ajude a compreender como o núcleo da Terra e dos outros planetas se formaram.

A previsão para o lançamento da sonda Psyche será meados de 2022. O objetivo é que haja o estudo do asteroide, entretanto, não será permitido nenhuma mineração.