Uber é autorizado a retomar testes com carros autônomos

Autorização acontece quase dois anos após acidente que matou pedestre durante teste de modelo

Foto: Reprodução

A Uber recebeu licença para voltar com os testes com veículos autônomos na Califórnia, nos Estados Unidos, quase dois anos após um de seus carros matar uma pedestre no Arizona. O Departamento de Veículos da Califórnia emitiu a licença em nome da Uber Advanced Technologies — unidade de veículos autônomos da empresa.

Os testes são feitos com um motorista de prontidão que terá o controle do veículos em caso de contratempos. A Uber, porém, declarou que não tem planos para retomar a condução de veículos autônomos na Califórnia de imediato. A empresa optou adotar uma estratégia mais cautelosa nos testes depois da morte ocorrida em 2018.

Relembre o caso

Uma mulher morreu depois de ser atropelada por um carro autônomo da Uber no Arizona, Estados Unidos, segundo afirmou a polícia local. A empresa imediatamente suspendeu todos os testes com a tecnologia nos EUA e no Canadá, informou a agência Reuters. 

O acidente ocorreu na noite de domingo do dia 19 de março de 2018, em Tempe, perto de Phoenix, e envolveu um Volvo XC90, em modo autônomo. A polícia identificou a vítima como Elaine Herzberg, de 49 anos, que morreu depois de ser levada ao hospital.