Twitter supera US$ 1 bilhão pela primeira vez na história

Número de usuários que usam a plataforma todos os dias chega a 152 milhões

Foto: Reprodução

A receita trimestral do Twitter superou o US$ 1 bilhão (aproximadamente R$ 4,25 bilhões) pela primeira vez na história e a audiência do serviço online subiu em mais de 20%. O resultado foi alcançado nos três últimos meses de 2019 e veio acima das expectativas do mercado. Com isso, as ações subiram até 5% nas negociações antes da abertura da Bolsa.

Jack Dorsey, presidente-executivo do Twitter, afirmou que o aprimoramento nos produtos, como alterações no feed e notificações, aumentaram o faturamento médio por usuário em 21%. O executivo ainda contou que, entrando em 2020, o objetivo da empresa é aprender mais rápido, priorizar melhor, resolver mais problemas e contratar talentos notáveis.

Por outro lado, o lucro operacional atingiu a marca de US$ 119 milhões, ou US$ 0,15 por ação — no mesmo período de 2018, foi alcançado US$ 225 milhões. A plataforma informou que as despesas devem crescer em 2020, além de um aumento de 20% no número de contratações de funcionários, principalmente em áreas como engenharia, desenvolvimento de produtos e pesquisa. 

A receita com anúncios do Twitter aumentou 12%, ficando em US$ 885 milhões em 2019. O mercado americano ainda é o maior,  crescendo 17% da renda da plataforma. O Twitter faturou US$ 1,007 bilhão, resultado 11% acima dos números registrados no ano anterior. A expectativa inicial do mercado era de que a companhia fechasse o quarto trimestre em torno de US$ 996,7 milhões.