Linx fecha compra da fintech PinPag por R$ 135 milhões

Empresa de software para o varejo procura fortalecer sua estratégia de cross selling e expandir atuação do braço Linx Pay Hub

Foto: Reprodução

A Linx, empresa de software para o varejo, anunciou a aquisição da fintech PinPag por R$ 135 milhões. Fundada em 2006, a PinPag é uma fintech especializada em meios eletrônicos de pagamento e oferece soluções personalizadas de parcelamento para o varejo. O faturamento bruto da PinPag foi de R$ 68,5 milhões em 2019.

O movimento adiciona 17 mil clientes à Linx e traz soluções inovadoras de pagamento para dentro do grupo, de acordo com comunicado da Linx. A empresa afirma ser líder e especialista no mercado de software de gestão a varejistas, citando uma participação de mercado de 42,2% atestada pelo instituto de pesquisas IDC.

A Linx tem capital aberto nas bolsas de valores B3 (Brasil) e NYSE (Estados Unidos) e conta com 3,5 mil funcionários. A PinPag conta com 90 funcionários em São Caetano do Sul (São Paulo) e em uma filial de Porto Alegre (Rio Grande do Sul). O objetivo da Linx com a compra da PinPag é expandir a atuação do Linx Pay Hub.

Alberto Menache, diretor-presidente da Linx, conta que com a chegada da PinPag, fortalecerá a Linx Pay Hub, direcionada principalmente para o ramo de serviços. O executivo comemora ao afirmar que as soluções inovadoras de parcelamento da PinPag estarão disponíveis para toda a base de clientes da Linx.

O braço de serviços financeiros atua com maquininhas, antecipação de recebíveis e proteção contra fraudes, por exemplo. Agora poderá vender o parcelamento personalizado como um serviço adicional, estratégia conhecida como cross selling. A Linx ainda desembolsará até R$ 65 milhões entre 2021 e 2022, que estão atrelados ao atingimento de metas financeiras e operacionais.