Polícia Federal realiza operação de combate à pirataria digital no Brasil

Estados como Amazonas, Minas Gerais, Santa Catarina e Parnaíba também passaram pela investigação

No início deste mês, sob determinação do Ministério da Justiça e Segurança, a Polícia Federal realizou a operação “404” para o combate à pirataria digital no Brasil. Esta ação tem como objetivo reduzir o uso ilegal, por meio da internet, de sites de download e aplicativos de streaming que oferecem a usuários de todo o país acesso a filmes e séries de forma improcedente.

Doze estados passaram pela investigação

A operação recebeu esse nome que faz referência à informação de erro quando um usuário tenta acesso a determinada página, mas como a encontra. Participaram da operação doze estados: Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Parnaíba, Pernambuco, Santa Catarina e São Paulo.

Venda de “pacotes de streaming”

São Paulo está sob investigação por conta de locais de venda de “pacotes de streaming”, as cidades de Sorocaba, Marília, Botucatu e Catanduva também estão sendo investigadas. Para os condenados por este crime, a pena varia entre dois a quatro anos de prisão.

Em apoio a novas investigações estão a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e a Agência Nacional de Cinema (Ancine). Até o momento não foi divulgada a lista que é composta pelos nomes dos serviços que foram alvo da operação 404.