Airbus cria startup para fazer drones e carros autônomos por impressão 3D

Lançada em parceria com a americana Local Motors Industries, a Neorizon terá sua operação sediada em Munique, na Alemanha

A empresa de aviação Airbus criou uma nova startup para a fabricação de drones e carros autônomos usando impressoras 3D. Chamada de Neorizon, a empresa vai desenvolver produtos com foco em mobilidade autônoma como uma espécie de “microfábrica” em Munique, na Alemanha.

O projeto é uma parceria entre a Airbus e a Local Motors Industries, empresa controladora da Local Motors e da Launch Forth, sediada em São Francisco, nos Estados Unidos. Espera-se que a startup combine inovações tecnológicas de ambas as empresas para a criação de novos produtos em velocidades sem precedentes, segundo o Financial Times.

A Neorizon vai reunir engenheiros aeroespaciais e terá parte de suas operações baseadas em Munique, na Alemanha, e na Universidade Técnica de Munique. A Local Motors, principal subsidiária da Local Motos Industries, já desenvolve carros impressos em 3D desde 2007. O Olli, ônibus autônomo lançado em 2016, foi construído com 90% de peças a menos que um veículo tradicional. Além disso, todos os materiais utilizados eram recicláveis.

Jay Rogers, chefe e fundador da LMI, disse ao Financial Times que a tecnologia do ônibus Olli pode ir além da prototipagem e entrar para a produção em série. Assim, a ideia de projetos como a Neorizon é ter “microfábricas” espalhadas por todo o mundo e mais próximas dos cliente, em vez de locais centralizados e pontos de embarque.

Com a impressão 3D viabilizando a criação de veículos em escala, cadeias inteiras de suprimentos se tornariam obsoletas. Um carro tradicional, de acordo com a Toyota, possui 3 mil peças, geralmente fornecidas por milhares de empresas em todo o mundo. Por meio da impressão 3D, as empresas poderão imprimir os componentes necessários para a fabricação de seus próprios produtos.