Nestlé inaugura instituto voltado à produção de embalagens sustentáveis

Com a inauguração do instituto, a empresa pretende contribuir com a diminuição de poluição do meio ambiente

A Nestle prioriza reduzir o desperdício de plástico e suavizar os efeitos da mudança climática através da tecnologia de ponta (foto: reprodução)

Algumas empresas estão apostando cada vez mais em embalagens sustentáveis, a mais recente foi a Nestlé, que passou a investir em produtos recicláveis afim de contribuir com a redução e danos à natureza.

A empresa inaugurou o seu Instituto de Ciências da Embalagem, que irá produzir recipientes funcionais e seguros que não poluam o meio ambiente. A preocupação, agora, é produzir a maior quantidade de materiais sustentáveis para embalar seus produtos.

Segundo o CEO da Nestlé, Mark Schneider, a visão da equipe é de um mundo onde nenhuma de nossas embalagens termine em um aterro sanitário ou como lixo. Para atingir essa meta, estão sendo introduzidos recipientes reutilizáveis e pioneiros na ajuda do meio ambiente. Além disso, existe o suporte aos programas de reciclagem locais e esquemas de depósito que ajudam a formar um mundo livre de resíduos

Está em análise pelo laboratório localizado na Suíça a utilização e consumo das embalagens reutilizáveis, que se volta à iniciativa inédita para a indústria alimentícia. Este mesmo laboratório estuda a segurança dos alimentos produzidos pela empresa.

O CTO da empresa, Stefan Palzer declarou que reduzir o desperdício de plástico e mitigar os efeitos da mudança climática através de tecnologia de ponta e design de produto são uma prioridade para eles. Os especialistas da Nestlé estão desenvolvendo e testando novos materiais e sistemas de embalagem ambientalmente amigáveis, juntamente com nossos centros de desenvolvimento, fornecedores, instituições de pesquisa e startups.