Apple lança iPad com tela maior para ser alternativa a notebook

O aparelho virá com o iPadOS 13, versão do iOS para tablets apresentada há alguns meses na WWDC.

O novo iPad possui uma tela de 10,2 polegadas (foto: reprodução)

Com meia polegada a mais que a geração anterior, o novo modelo do iPad, lançado pela empresa da maçãzinha, possui uma tela maior, de 10,2 polegadas.

Outra novidade é o uso de retina, fazendo com que o smartphone garanta uma resolução de ótima qualidade. Em sua parte interna, o aparelho possui o chip A10 Fusion, que teve seu lançamento em 2016 e já integrava o modelo de geração anterior, usado pelo iPhone 7.

Em relação a preços praticados, o iPad chega com valor um pouco mais acessível. O preço estimado é de U$ 329 (32 GB + Wi-Fi) nos EUA. A aposta da Apple gira em torno do novo tamanho de tela, melhora no suporte a teclados e Apple Pencil.

Para os usuários que já usufruíram, na geração passada, do uso de caneta, a acompanhante volta com o novo iPad. O objetivo deste acessório é encaixar melhor os teclados e acessórios, ele vem com o Smart Connector do iPad Pro.

A tacada de mestre da Apple é o oferecer um aparelho barato como alternativa a um notebook barato com uso dos sistemas Windows ou Chrome OS. A empresa pretende oferecer a experiência de recursos encontrados em um laptop.

Espera-se que, até o fim do mês, os EUA recebam as entregas dos smartphones. As vendas iniciaram na terça-feira (10). Ainda não há previsão para a chegada do iPad no Brasil, por aqui, o último lançamento chegou com valor a partir de R$ 2.499.