Reconhecimento facial substitui sistema de marcar amigos no Facebook

O acordo firmado com o Facebook para as novas mudanças foi de US$ 5 bilhões

O blog de Srinivas Narayanan, líder de pesquisa aplicada do Facebook Al, publicou a mais recente mudança na plataforma, o Facebook está deixando para trás sua ferramenta de escaneamento de rostos e passa a utilizar uma implementação mais ampla, ou seja, a partir de agora, os usuários passarão a ser alertados antes de terem sua foto publicada.

O Facebook retira de suas funções aquelas configurações que permite uso de tags e a opção de marcar os amigos em fotos. O novo método dá acesso à configuração de reconhecimento facial, recurso que a empresa havia lançado desde 2017 e, de acordo com eles, reforça a segurança do usuário, os alertando assim que tiverem sua foto publicada (mesmo não sendo marcado nela).

Narayanan observou que, com a implementação da ferramenta de reconhecimento facial do Facebook para aqueles que não a possuíam anteriormente, os usuários verão um aviso no feed de notícias sobre como a ferramenta funciona e como é usada pela empresa.

O aviso também incluirá um botão para ativar ou desativar o recurso, e o Facebook diz que não ativará o reconhecimento facial por padrão para as pessoas que estão ganhando acesso só agora e não optarem por participar.

Narayanan esclarece que, se você atualmente não possui a configuração de reconhecimento facial e não fizer nada, não usaremos o reconhecimento facial para identificá-lo ou sugerir tags.

Além disso, recursos como o Photo Review, que permite que você saiba quando você aparece em fotos, mesmo que não esteja marcado, desde que tenha permissão para ver a postagem com base em sua configuração de privacidade, não será ativado.

As pessoas ainda poderão marcar amigos manualmente, mas não vamos sugerir que você seja marcado se você não tiver o reconhecimento facial ativado. Se você já possui a configuração de reconhecimento facial, não receberá um aviso.

Os usuários serão informados sobre as novas mudanças. Para aquelas pessoas que tinham as sugestões de tags disponíveis, passarão a ter o modo de reconhecimento facial por padrão.

Um dos maiores motivos pelo qual o Facebook decidiu lançar a nova atualização foi seu acordo de US$ 5 bilhões firmado com a Federal Trade Commission, embora ainda esteja em trâmite e pendente de aprovação.

As mudanças estão sido tomadas devido diversas reclamações de usuários que tiveram seus dados violados pela rede social, portanto, o Facebook recebeu uma ordem para adotar uma sério de novas medidas em torno de sua tecnologia de reconhecimento facial.