Tecnologia reconstrói modelos de carros antigos

Sua data de exibição atual será em setembro, em seguida vai integrar a frota de veículos clássicos da fabricante

Bentley Corniche (foto: reprodução)

Modelos de automóveis clássicos estão sendo reconstruídos com ajuda das mais modernas técnicas de restauração. Assim foi o caso do modelo Corniche 1939, fabricado pela montadora Bentley.

O curioso é que o veículo em questão já havia sido restaurado sob encomenda para um piloto grego no século passado. No entanto, o carro foi destruído em um bombardeio, logo no início da Segunda Guerra Mundial.

Na época, o modelo usava um motor melhorado do Mark V. O Corniche chegava a ultrapassar 160 km/h, marca respeitável para aquela época.

Construção

O veículo era considerado um carro de marca naquela época. Pelo excelente resultado que teve nos testes, a Bentley pretendia oferecer o carro regularmente, como parte de sua linha.

Logo após ser criado, o modelo seguiu da Inglaterra, percorrendo trajeto até a França. No caminho, o veículo sofreu um acidente ao se deparar com um caminhão, fazendo com que a empresa francesa precisasse reconstruir o protótipo.

Carroceria e chassi

O modelo reconstruído ficou pronto em agosto de 1939. Passou por testes na própria França. No entanto, para o azar dos fabricantes, mais uma vez foi destruído por um acidente.

Após as reconstruções, houve um novo problema, mas agora havia sido logístico no porto de Dippe, na França. Após o atraso no transporte do veículo, que coincidentemente deu-se no início da Segunda Guerra Mundial, o Corniche foi bombardeado após ataques ao local onde ele havia sido guardado.

Reconstrução

Funcionários das fundações W.O Bentley Memorial e Sir Henry Royce Memorial pensaram na possibilidade de restaurar o Corniche. O modelo foi pensado pouco a pouco. A carroceria começou a ser construída a partir de desenhos originais que foram cedidos pela família do projetista George Paulin.

A pedido do atual presidente da Bentley, Adrian Hallmark, o veículo seria trazido de volta à empresa logo após sua reconstrução finalizar. O modelo seria apresentado nas celebrações do centenário do fabricante, hoje pertencente ao Grupo Volkswagem.

Sua data de exibição atual será em setembro deste ano. Em seguida vai integrar a frota de veículos clássicos da fabricante.