Cervejaria vai comprar mandioca dos 30 municípios do Mais IDH

Parceria beneficia agricultores familiares do Plano Mais IDH gerando emprego e renda

Em reunião com representantes da cervejaria Ambev, nesta última quarta-feira (31), o Sistema da Agricultura Familiar – Secretaria De Estado Da Agricultura Familiar (SAF), Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp) e Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma) – fechou parceria para fornecimento de mandioca produzida pelos agricultores familiares dos 30 municípios do Plano Mais IDH para fabricação da cerveja Magnífica.

Hoje, quatro municípios do Plano Mais IDH já fornecem mandioca para a Ambev: Araioses, Água Doce, Milagres e Santana. Com a parceria, o objetivo é ampliar para 30 o número de municípios do Mais IDH na rota de fornecimento de mandioca, gerando emprego e renda aos beneficiários do Plano.

Durante a reunião, que teve a presença da Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), foi discutido sobre a implantação de fecularias de mandioca no Maranhão, incentivando assim a cadeia produtiva. Outro ponto discutido foi a criação de projeto de pesquisa visando a melhoria da produtividade da mandioca envolvendo a SAF, Agerp e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Ainda na conversa, foi firmado o compromisso para implantação de um projeto piloto da mandioca no Tabuleiros de São Bernardo e nos assentamentos do MST.

Presente na reunião, o secretário de Estado da Agricultura Familiar, Júlio César Mendonça, enfatizou que o Sistema SAF trabalha hoje com nove cadeias produtivas e a mandioca é uma delas. Segundo ele, é importante nivelar as ações junto com a Ambev e movimentos sociais para que seja possível planejar a cadeia no ponto de vista de pesquisa e criar pólos de produção.

O secretário destacou que a inclusão dos 30 municípios do Plano Mais IDH na fabricação da cerveja gera emprego, renda e dignidade aos pequenos agricultores familiares, valorizando a mão de obra do trabalhador rural como fornecedor de um produto de qualidade como a Magnífica.

Durante a conversa, a equipe da Ambev apresentou informações e dados do processo de fabricação da Magnífica, desde a compra da mandioca dos agricultores à criação do conceito da marca que busca valorizar a identidade do Maranhão.

Roberto Mattos, diretor Comercial da Ambev, ressaltou que a cervejaria busca colaborar ao máximo com os agricultores de pequeno porte fornecedores de mandioca. Segundo ele, é essencial estar dialogando com a SAF e a Agerp para entender esse contato com os agricultores e de que forma é possível ajudar no desenvolvimento da economia do Maranhão por meio da produção advinda da agricultura familiar.

De acordo com o coordenador do MST-MA, Elias Araújo, o projeto da Magnífica ajuda a estruturar a cadeia produtiva da mandioca no Maranhão. Ele afirma que o projeto proposto pelo Sistema SAF não é só pegar a mandioca produzida nos assentamentos e municípios do Mais IDH, mas transformar de fato a cadeia da mandioca e melhorar a produtividade e a vida dos agricultores.

A parceria com a Ambev é fruto da articulação com o Governo do Estado, por meio da SAF, Agerp, Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Energia (Seinc), Secretaria da Fazenda de Estado do Maranhão (Sefaz) e Secretaria de Agricultura Pecuária e Pesca (Sagrima).


Anúncio: 407 anos São Luís