Segundo semestre promete novidades no lançamento de carros

Carros mais vendidos do país chegam renovados e cinco fabricantes planejam lançar modelos elétricos

O segundo semestre do ano promete novidades importantes em todos os setores do mercado brasileiro, principalmente o automobilístico. Os carros mais vendidos do país, como o Chevrolet Onix, Prisma, Hyundai HB20 e Toyota Corolla serão renovados. Enquanto a Chevrolet vai mostrar uma nova geração de Onix e do sedã Prisma, a Hyundai deve adotar uma reestilização profunda no HB20.

Os elétricos também devem chegar em peso no segundo semestre. Depois da estreia do Renault Zoe, agora virão os modelos anunciados no ano passado: Nissan Leaf, Chevrolet Bolt e Jac iEV 40. Outro lançamento deve ser o SUV de luxo movido a eletricidade da Audi. Por fim, o Toyota Corolla, em nova geração, será o primeiro carro híbrido flex do mundo.

Esses, entretanto, não são os únicos lançamentos de 2019. Com chegada confirmada para esse ano, a nova picape ainda não tem nome, mas trata-se de uma variação da picape conhecida como T8 na China. O lançamento poderá carregar 1 tonelada, com autonomia de 350 km, e o preço está na casa dos R$ 200 mil.

Além dela, o sedã mais importante da Volvo, importado dos Estados Unidos, acaba de entrar em pré-venda no Brasil, em 4 versões, com motorizações que vão de 190 cv a 407 cv. Esta última, também é híbrida. Preços vão de R$ 195.950 a R$ 269.950

Outro exemplo de lançamento é o Huracan Evo, o esportivo mais acessível da Lamborguini, que passou pela primeira reestilização. É um dos poucos carros à venda que traz motor V10. Neste caso, uma unidade de 5.2 litros com 640 cv, capaz de levar o modelo da imobilidade aos 100 km/h em meros 2,9 segundos.