Harley-Davidson cogita lançar moto elétrica no Brasil em 2020

A moto terá valor equivalente a R$ 112 mil na cotação atual

A LiveWire faz de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos (foto: reprodução)

A inventora do grande e lendário motor V-Twin, a montadora Harley-Davidson, tem mais um sucesso saindo do forno, a novidade que tem previsão de lançamento para 2020 e nada mais, nada menos que no Brasil, apresentará o primeiro modelo de moto elétrica, a LiveWire. A moto foi fabricada no ano de 2014, mas seus criadores usaram esse tempo para aprimorar o modelo.

A Harley-Davidson, que se tornou famosa por causa do barulho inconfundível de suas motos, fará mais essa mudança apostando no sucesso, as motos serão movidas por eletricidade, fator que influenciará positivamente tanto na economia, quanto no ecossistema.

Em entrevista cedida ao portal G1, o gerente de marketing da Harley Davidson, Flávio Villaça disse que o plano é lançar a moto no Brasil, no próximo ano, mas isso dependerá da criação de uma estrutura para a recarga de veículos elétricos e também das concessionárias brasileiras para atender este produto.

Um ponto negativo para o seguimento de motos é a falta de investimento de fabricantes de montadores que sejam parceiras no empenho de fabricação de motos elétricas, fator que beneficia o segmento de carros.

Extensão do segmento de motos elétricas

O segmento não irá parar apenas nas motos, o desejo de seus fabricantes é que num futuro próximo, sejam lançados conceitos de bicicletas e scooter elétricos. A Harley também pretende ousar na criação de conceitos como o das aventureiras e de baixas cilindradas. Após uma queda em suas vendas de 3,8%, a empresa não esconde que seu desejo é conquistar novos públicos e ampliar horizontes.

Conversão para o real

Espera-se que o modelo esteja dentro do valor de R$120 mil, em média, já nos EUA custará US$ 29.799, que convertido ao real com valor líquido, seria equivalente a R$ 112 mil na cotação atual.

105 cavalos de potência

A LiveWire faz de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos, rende 11,83 kgfm de torque instantâneas, devido propulsão elétrica, o modelo não possui câmbio e nem embreagem.

Durabilidade da carga

A bateria leva cerca de 1h para carregar 100% no sistema de rápida recarga, a moto possui sistema regenerativo, fazendo com que o freio também seja econômico.

Descrição técnica da LiveWire

Freios ABS

7 modos de pilotagem

Luzes de LED

Painel de 4,3 polegadas sensível ao toque

Duplo disco na dianteira e disco na traseira

Controle de tração e anti-deslizamento

Suspensões ajustáveis