Natura confirma compra da Avon e se torna quarta maior empresa de beleza do mundo

Junto com Avon, Natura deve ter faturamento anual superior a US$ 10 bilhões e mais de 40 mil colaboradores em todo o mundo

Foto: Reprodução

Natura, conhecida por sua inspiração brasileira e por ingredientes vindos da Amazônia, é cada vez maior fora de seu país de origem. A companhia brasileira de cosméticos confirmou a compra da Avon Products. A nova empresa será formada por 76% da Natura e 24% pelos acionistas da Avon. Com a nova composição, a brasileira se torna a quarta maior empresa do setor de beleza pessoal do mundo, com presença em 100 países.

Com a compra da Avon, a companhia dá um salto em sua presença pelo mundo. O acordo avalia a Avon em US$ 3,7 bilhões e o novo grupo em US$ 11 bilhões. Junto com a Avon, a Natura deve ter um faturamento anual superior a US$ 10 bilhões e mais de 40 mil colaboradores em todo o mundo. Será o quarto maior grupo de beleza do mundo, atrás da L’Oréal, Estée Lauder e Shiseido.

Em nota ao mercado, a empresa afirmou que “A combinação cria um grupo de excelência em cosméticos, multimarca e multicanal por meio das mais de 6,3 milhões de representantes e consultoras da Avon e da Natura, 3,2 mil lojas e uma crescente força digital”. Para que a transação fosse efetuada, a Natura obteve US$ 1,6 bilhão de financiamento com Bradesco, Citigroup Global Markets e Itaú Unibanco.