Mercado de carne vegetal valerá US$ 140 bilhões em 10 anos, aponta relatório

O setor está em pleno crescimento e, até 2029, deve ser responsável por 10% de todo o consumo de carne

Foto: Reprodução

As empresas que oferecem alternativas à indústria da carne devem crescer muito nos próximos dez anos. A previsão está em um relatório do banco britânico Barclays. Segundo os analistas da instituição, as carnes vegetais ou feitas em laboratório ganharão força nos supermercados e restaurantes, chegando a uma receita total de US$ 140 bilhões nos próximos 10 anos. O valor corresponde a 10% do que a indústria de carne tradicional fatura hoje: US$ 1,4 trilhão.

Segundo o estudo, investidores e empresários da indústria da carne estão surpresos com o rápido crescimento do novo setor, que pode ser observado no desempenho da empresa de hambúrguer vegano Beyond Meat no mercado de ações. Depois de fazer uma primeira oferta com o preço de US$ 25, a Beyond Meat viu o valor de suas ações subir 160% logo no primeiro dia de comercialização.

O relatório diz que, embora haja barreiras para substituir determinados tipos de carne, é possível observar uma reação positiva do consumidor, que deve favorecer as novas empresas atuando no setor. “Embora a carne criada em laboratório ainda esteja longe de atingir as prateleiras dos supermercados, a proteína de origem vegetal continua a ganhar terreno”, afirma o documento.

Os analistas do banco fazem um paralelo entre o crescimento da indústria da carne vegetal e a evolução dos carros elétricos, que também têm potencial para revolucionar o setor do automobilismo. Segundo o relatório, a carne vegetal tem um potencial ainda maior, devido à preferência do consumidor por produtos mais baratos.

A conscientização da população sobre o impacto da indústria da carne na natureza pode impulsionar esse nicho. “Mas o quer vai determinar a aceitação ou não das carnes alternativas é o sabor e o preço”, diz o texto. “Para dar certo, as empresas têm que focar no público que mais consume carne, homens entre 14 e 70 anos.”

Já há pistas de que a previsão do banco pode se realizar. A startup norte-americana Impossible Foods, que produz hambúrguer de origem vegetal, levantou US$ 300 milhões em uma rodada recente de financiamento antes de uma provável oferta inicial (IPO) de ações. Ainda fez uma parceria com a rede de fast food, Burger King para lançar um hambúrguer vegetal nas suas franquias dos Estados Unidos.


Anúncio: 407 anos São Luís