Petrobras anuncia mecanismo de proteção no âmbito da política de preços do diesel

A estatal explicou que a aplicação do método será feita sem abrir mão da paridade dos preços internacionais

Petrobras anuncia mecanismo financeiro de proteção complementar à política do diesel.
De acordo com a estatal, a metodologia permitirá à companhia manter a cotação do produto estável nas refinarias por um período de até sete dias consecutivos, em momentos que houver forte oscilação nas cotações internacionais do derivado e do câmbio.

No comunicado ao mercado, a Petrobras informa que o mecanismo de proteção é semelhante ao que já existe para a gasolina e que ainda vai definir o momento de aplicação, quando for registrada elevada volatilidade.

A estatal explicou que a aplicação do método será feita sem abrir mão da paridade dos preços internacionais, permitindo à empresa obter um resultado financeiro equivalente ao que alcança com a prática de reajustes diários.

A Petrobras informou que o preço do diesel se refere ao produto que é vendido nas refinarias para as distribuidoras e representa apenas uma parcela do valor do combustível vendido nos postos ao consumidor final. Na composição de preços ao consumidor, entram ainda o custo do biodiesel, os tributos e as margens de distribuidoras e revendedores.

com informações*