Temer entrega a Bolsonaro plano de privatização dos Lençóis Maranhense

Estima-se que as privatizações rendam R$140 milhões em outorgas e R$ 153 milhões em investimentos privados.

Lagoas formadas pela água das chuvas - Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses Local: Barreirinhas MA Brasil Data: 201106 Código: 01LS579 Autor: Luis Salvatore

Pelo menos nove Parques Nacionais devem ser privatizados, entre eles o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, que serão abertas à visitação.
Segundo informações divulgadas pelo jornal paulista Folha de São Paulo, o plano criado pelo presidente Michel Temer deve ser entregue ao presidente eleito Jair Bolsonaro e tem o objetivo de aliar preservação ambiental e turismo.
Do total de 324 espaços de conservação do país, apenas 53 unidades podem receber visitas. Entre os outros oito parques que podem ser privatizados por um período de 20 anos estão a Serra da Canastra, a Chapada dos Guimarães e o Parque Nacional de Jericoacoara.
Estima-se que as privatizações rendam R$ 140 milhões em outorgas e R$ 153 milhões em investimentos privados.
Parque Nacional dos Lenções Maranhenses – O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, criado em 02 de junho de 1981 pelo Decreto nº 86.060 de, é o maior campo de dunas da América do Sul e compreende uma área de 155 mil hectares. O Parque localizado no Maranhão abrange três municípios, Barreirinhas, Santo Amaro e Primeira Cruz.


Anúncio: 407 anos São Luís